home

plantel

contactos

plantel

apoios









media

uteis

arquivos

estatísticas

On-line



eXTReMe Tracker




quarta-feira, dezembro 28, 2005

LIVRE-FÓRUM
Destaques de 2005

Em jeito de fórum, deixo aqui aqueles que são para mim, assim de cabeça, sem puxar muito pela memória, os grandes destaques/grandes momentos de 2005. Peço aos visitantes que façam um exercício semelhante, preenchendo um "formulário" como este.

» Equipas do Ano:

Barcelona (Espanha), Chelsea (Inglaterra) e Juventus (Itália)

» Jogadores do Ano:

Lampard (Chelsea), Ronaldinho (Barcelona), Gerrard (Liverpool), Adriano (Inter)

» Melhor Momento:

Golo de Miguel Garcia no Alkmaaderhout - AZ Alkmaar 3-2 Sporting (2004/05)

» Pior Momento:

Minuto 74 da final da Taça UEFA (remate de Rogério ao poste da baliza de Akinfeev e golo de Vágner Love)
- Sporting 1-3 CSKA (2004/05)

» Golos do Ano:

Carlos Carneiro (Gil Vicente) - Rio Ave 0-1 Gil Vicente (2004/05)
Hugo Almeida (FC Porto) - Inter 2-1 FC Porto (2005/06)
John Carew (Lyon) - Real Madrid 1-1 Lyon (2005/06)
Paíto (Sporting) - Benfica 3-3 Sporting (2004/05)
Beto (Beira-Mar) - Beira-Mar 1-0 Boavista (2004/05)

» Golo Mais Esquisito do Ano:

Zé Manuel* (Boavista) - Rio Ave 2-2 Boavista (2004/05)
* fez um chapéu a Mora, de cabeça, perto da bandeirola de canto

» "Frangos" do Ano:

Roy Carroll (Man.Utd), após o "balão" de Pedro Mendes - Man.Utd 0-0 Tottenham (2004/05)
Ricardo (Sporting), após um cabeceamento de Cesare Natali - Udinese 3-2 Sporting (2005/06)
Petr Cech (Chelsea), depois de um livre de Boa Morte - Chelsea 3-2 Fulham (2005/06)

» Defesas do Ano:

Dudek (Liverpool), a remate de Shevchenko - Liverpool 3-3 AC Milan (2004/05)
Vítor Baía (FC Porto), a remate de Pinheiro - Estoril 1-2 FC Porto (2004/05)
Nelson (Sporting), a cabeceamento de André Pinto - Nacional 2-1 Sporting (2005/06)

» Categoria Especial:

Exibição de Ronaldinho Gaúcho no Santiago Bernabéu - Real Madrid 0-3 Barcelona (2005/06)

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 12:43


sexta-feira, dezembro 23, 2005

LIGA PORTUGUESA
16ª Jornada

» FC Porto dobra o ano na liderança, Nacional é segundo

» LIGA BETANDWIN.COM | 16ª Jornada:

» Terça:

Sporting 3-0 Rio Ave
(Liedson, 32', 53', Tonel, 43')

» Quarta:

U.Leiria 2-1 Naval
(Maciel, 40', Harison, 90+1'; Glauber, gp, 32')
P.Ferreira 1-2 Marítimo
(Júnior, 25'; Rincón, 68', 85')
Académica 0-1 Belenenses
(Meyong, 46')
Gil Vicente 2-1 Sp.Braga
(Gouveia, 48', Nandinho, 85'; João Tomás, 27')
V.Setúbal 0-1 Benfica
(Nuno Gomes, 89')

» Quinta:

Boavista 0-3 Nacional
(Alexandre Goulart, 4', André Pinto, 59', 66')
Penafiel 0-1 E.Amadora
(Semedo, 6')
V.Guimarães 0-2 FC Porto
(Ricardo Quaresma, 21', Jorginho, 57')

(clique nos resultados para saber mais)

» CLASSIFICAÇÃO:*

JP
FC Porto1637
Nacional1633
Benfica1631
Sporting1630
V.Setúbal1629
Sp.Braga1629
Boavista1623
U.Leiria1621
Marítimo1621
JP
10ºP.Ferreira1621
11ºRio Ave1620
12ºBelenenses1620
13ºE.Amadora1619
14ºAcadémica1618
15ºGil Vicente1617
16ºV.Guimarães1614
17ºNaval1611
18ºPenafiel167
* de acordo com a LPFP

» MELHORES MARCADORES:

EquipaGolos
Nuno GomesSLB12
MeyongCFB11
MarcelAAC9
André PintoCDNM8
LiedsonSCP8
Fábio HempelVFC6

» LIGA BETANDWIN.COM | Próxima Jornada - 8/1/2006:

Nacional - V.Setúbal
Benfica - P.Ferreira
Marítimo - Académica
Belenenses - Gil Vicente
Sp.Braga - Sporting
Rio Ave - U.Leiria
Naval - Penafiel
E.Amadora - V.Guimarães
FC Porto - Boavista

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 18:02


quinta-feira, dezembro 22, 2005

LIGA PORTUGUESA
FC Porto vence em Guimarães

» Dragões mantêm adversários à distância e passam Natal descansados

V.Guimarães 0-2 FC Porto
(Ricardo Quaresma, 21', Jorginho, 57')

» LIGA BETANDWIN.COM | 16ª Jornada
| Estádio D.Afonso Henriques, em Guimarães
| Paulo Baptista (AF Portalegre)

O FC Porto ganhou em Guimarães por duas bolas a zero e manteve a liderança isolada da Liga Betandwin.com. Ricardo Quaresma jogou apenas 45 minutos, mas foi uma das figuras do encontro, com um golo de antologia que abriu caminho à vitória dos azuis-e-brancos.

Co Adriaanse apresentou o mesmo onze pelo quarto jogo consecutivo, enquanto Vítor Pontes utilizou um modelo diferente do habitual, apenas com um trinco, Flávio Meireles, e com Neca no apoio, como médio de transição.

O desafio começou bastante equilibrado, a primeira ocasião de golo inclusivamente pertenceu ao tunisino Benachour, mas Quaresma fez questão de o desequilibrar pouco depois. Arrancou pela esquerda, driblou o polícia Svard e rematou colocado, sem hipótese para Nilson. O extremo portista apontou o seu terceiro golo na Liga, depois dos conseguidos na Mata Real e na recepção ao Rio Ave, este último eleito recentemente pelo canal temático Eurosport como o melhor de 2005.

Em desvantagem no marcador, os vimaranenses queixaram-se da arbitragem pouco depois, num lance dentro da grande área envolvendo Bena e César Peixoto. O lance é muito rápido mas fica a ideia que o tunisino foi tocado no pé esquerdo pelo defesa-esquerdo dos dragões. Pouco depois, o moçambicano Dário criou muito perigo, mas o seu remate saiu à figura de Vítor Baía.

Na segunda metade, já sem Quaresma, que ficou nos balneários ao intervalo, o FC Porto começou por aproveitar o balanceamento ofensivo do Vitória e esteve muito perto de dilatar a vantagem nos minutos iniciais. Num desses lances, os portistas reclamaram grande penalidade sobre Diego, após um puxão de Meireles. Tal como tinha feito no primeiro tempo, Paulo Baptista mandou seguir o jogo - cobrindo um erro com outro erro.

Aos 57 minutos, Jorginho falhou um dos lances mais caricatos da presente edição da Liga: fintou Nilson mas perdeu o equilíbrio e não conseguiu dar seguimento ao lance. No entanto, o brasileiro redimiu-se na jogada seguinte, sentenciando o encontro a passe de Benni McCarthy.

Até final, com muito espaço para contra-atacar, o Porto dispôs de inúmeras oportunidades para dilatar o placard. Contudo, o espírito natalício apoderou-se de Benni, Lisandro e Alan, pois só dessa forma se explicam as oportunidades incrivelmente desperdiçadas por estes três jogadores. Na outra baliza, Saganowski fez questão de acertar no poste e perdeu a melhor ocasião dos homens da casa em todo o jogo.

O FC Porto soma agora 37 pontos e termina o ano numa posição invejável, com quatro pontos de vantagem para o Nacional, seis para o Benfica e sete para o Sporting. Do outro lado, Vítor Pontes ainda não venceu e os minhotos estão de novo num lugar delicado - são antepenúltimos, com apenas 14 pontos amealhados.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 23:58



LIGA PORTUGUESA
Jornada 16 - Dia 3

» Nacional fecha ano no segundo lugar, E.Amadora vence em Penafiel

Já não há equipas invictas em casa. O Nacional da Madeira foi ganhar ao Bessa por um expressivo 3-0 e infligiu a primeira derrota caseira ao Boavista, em partida a contar para a última jornada de 2005 da Liga Betandwin.com.
Alexandre Goulart adiantou os insulares bem cedo, logo aos 4 minutos, mas os axadrezados reagiram e poderiam ter empatado ainda antes da meia-hora. Contudo, na conversão de uma grande penalidade cometida por Patacas sobre João Vieira Pinto, o senegalês Fary Faye permitiu a defesa do suíço Diego Benaglio.
Na etapa complementar, em menos de dez minutos, o Nacional deitou por terra as aspirações do Boavista. Aos 57 minutos, Manuel Machado trocou Nuno Viveiros por André Pinto e o brasileiro justificou por inteiro a chamada à partida, apontando dois golos de rajada, aos 59 e 66 minutos.
Assim, os alvi-negros terminam o ano de 2005 no segundo lugar da tabela, com 33 pontos, enquanto a equipa de Carlos Brito não vence há três jogos e encontra-se no sétimo posto, com 23.

Noutro jogo desta noite, o Penafiel perdeu em casa com o E.Amadora (0-1) e parece cada vez mais condenado à «lanterna-vermelha». Manu madrugou e fabricou o golo de Semedo, logo aos 6 minutos, oferecendo três importantes pontos à turma de António da Conceição, que passa a somar 19. Os durienses tentaram reagir no segundo tempo, mas o golo claríssimo de Roberto não foi validado por Cosme Machado - Anselmo tirou a bola de dentro da baliza e nem Bruno Vale parecia acreditar na decisão do auxiliar. Mais um caso incrível na arbitragem portuguesa.

» Resultados:

Boavista 0-3 Nacional
(Alexandre Goulart, 4', André Pinto, 59', 66')

Penafiel 0-1 E.Amadora
(Semedo, 6')

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 23:11



LIGA PORTUGUESA
Benfica ganha no Bonfim

» Nuno Gomes voltou a ser decisivo

V.Setúbal 0-1 Benfica
(Nuno Gomes, 89')

» LIGA BETANDWIN.COM | 16ª Jornada
| Estádio do Bonfim, em Setúbal
| Carlos Xistra (AF Castelo Branco)

Koeman teve o que queria: o Benfica não perdeu qualquer ponto durante o mês de Dezembro - conseguiu quatro vitórias pela margem mínima. Os encarnados venceram esta noite no Bonfim por uma bola a zero e ascenderam, provisoriamente, ao segundo lugar da Liga Betandwin.com, quando estão decorridas 16 jornadas. Tal como no sábado passado, Nuno Gomes voltou a resolver o encontro a favor do clube da Luz, desta feito mesmo à entrada do tempo de compensação.

Depois de uma semana difícil, Hélio de Sousa estreou-se no banco de suplentes dos setubalenses, apresentando essencialmente três novidades em relação aos últimos jogos: Veríssimo, Ricardo Chaves e Sougou. Do outro lado, Ronald Koeman alinhou com Nelson e Ricardo Rocha nas laterais, entregando a faixa direita a Karagounis e a esquerda a Geovanni.

A primeira metade foi equilibrada e sem grandes ocasiões de golo de parte a parte. Os sadinos tentaram surpreender o último reduto dos campeões nacionais, mas o melhor que conseguiram foi um cabeceamento por parte de Fábio Hempel - Luisão pôs cobro à situação. O Benfica, por sua vez, esteve algo lento nas transições durante os primeiros quarenta e cinco minutos e o perigo só rondou a baliza de Moretto na sequência de lances de bola parada - nomeadamente, livres apontados por Petit e Geovanni.

Na etapa complementar, a partida melhorou bastante. Ricardo Rocha lesionou-se cedo, após uma entrada de Sougou, e foi substituído por Manuel Dos Santos, que deu outra vivacidade ao flanco esquerdo dos encarnados. Karagounis apareceu em grande nível e foi o primeiro a agitar as águas: com uma excelente iniciativa individual, sentou Auri e só não inaugurou o placard porque Veríssimo fez um corte espectacular. Pouco depois, o grego voltou a estar em plano de evidência, mas Moretto impediu-o de chegar ao golo.

Os sadinos estavam a encostar-se cada vez mais à sua área, porém reagiram nos quinze minutos finais, altura em que apareceu em jogo o substituto Pedro Oliveira, que criou relativo perigo para a baliza de Quim em duas ocasiões. Mesmo assim, cheirava a golo do Benfica e o remate de Mantorras às malhas laterais só fez crescer a ansiedade dos encarnados em conseguir o golo da vitória, que acabaria por chegar pouco depois. Num dos últimos lances do tempo regulamentar, Geovanni assistiu na perfeição Nuno Gomes, que recebeu e rematou de pronto, de pé esquerdo, sem hipóteses para o até aí inultrapassável Moretto. Décimo segundo golo do 21 do Benfica, um tento de belo efeito que cor a uma segunda parte na qual os pupilos de Koeman justificaram o triunfo.

Desta forma, o Benfica ultrapassa V.Setúbal, Sp.Braga e Nacional (à condição) na tabela e passa a somar 31 pontos, terminando 2005 em beleza, depois de garantido o apuramento para os oitavos da Champs. O Vitória perdeu pela segunda vez por uma bola a zero no espaço de cinco dias, mas fecha o ano numa boa posição na tabela: quinto lugar, em igualdade com o Sp.Braga.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 00:39


quarta-feira, dezembro 21, 2005

LIGA PORTUGUESA
Jornada 16

» U.Leiria e Gil Vicente viram jogos em casa, Marítimo e Belenenses vencem fora

A U.Leiria continua em bom plano sob o comando de Jorge Jesus e subiu esta tarde, à condição, ao oitavo lugar da Liga, depois de derrotar a Naval por 2-1. A turma de Álvaro Magalhães, penúltima classificada, até esteve a vencer por uma bola a zero - golo de Glauber, de grande penalidade -, mas acabou por sofrer no Magalhães Pessoa a sua sétima (!) derrota consecutiva, fruto dos golos de Maciel e Harison, este último no já em período de descontos.

Mais a Norte, no Cidade de Barcelos, o Gil Vicente impôs nova derrota ao Sp.Braga, que perdeu cinco dos últimos sete desafios. Num jogo muito polémico, João Tomás até começou por dar vantagem aos arsenalistas, mas Gouveia, num remate de fora da área que não chegou a entrar - bateu na trave e na linha -, e Nandinho, na sequência de um pontapé livre, deram a volta para a equipa de Ulisses Morais, que passa a somar 17 pontos. O Braga caiu para quinto e até pode terminar o ano em sexto, caso o Benfica triunfe no Bonfim.

Em Paços de Ferreira, o Marítimo somou a sua segunda vitória seguida, num desafio em que, tal como na recepção ao V.Setúbal, o avançado Rincón foi a grande figura dos verde-rubros. O brasileiro regressou da melhor forma a uma casa onde jogou emprestado durante a temporada transacta, apontando dois golos e anulando a vantagem inicial dos «castores», conseguida através de um tento do médio Júnior. Agora, as duas equipas estão igualadas na tabela, juntamente com a U.Leiria, com 21 pontos conquistados.

Por último, o Belenenses foi a Coimbra arrancar a primeira vitória fora de casa da era de José Couceiro. Derrotou a Académica pela margem mínima, com um golo do camaronês Meyong, que assim alcançou Nuno Gomes na liderança dos melhores marcadores - 11 golos. Com este triunfo, os azuis ultrapassaram na classificação a Briosa, que somou a segunda derrota no espaço de cinco dias.

» Resultados:

U.Leiria 2-1 Naval
(Maciel, 40', Harison, 90+1'; Glauber, gp, 32')

Gil Vicente 2-1 Sp.Braga
(Gouveia, 48', Nandinho, 85'; João Tomás, 27')

P.Ferreira 1-2 Marítimo
(Júnior, 25'; Rincón, 68', 85')

Académica 0-1 Belenenses
(Meyong, 46')

» Classificação Provisória:

JP
FC Porto1534
Nacional1530
Sporting1630
V.Setúbal1529
Sp.Braga1629
Benfica1528
Boavista1523
U.Leiria1621
Marítimo1621
JP
10ºP.Ferreira1621
11ºRio Ave1620
12ºBelenenses1620
13ºAcadémica1618
14ºGil Vicente1617
15ºE.Amadora1516
16ºV.Guimarães1514
17ºNaval1611
18ºPenafiel157

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 21:11



LIGA PORTUGUESA
Sporting vence Rio Ave

» Leões terminam ano com triunfo folgado

Sporting 3-0 Rio Ave
(Liedson, 32', 53', Tonel, 43')

» LIGA BETANDWIN.COM | 16ª Jornada
| Estádio José Alvalade, em Lisboa
| António Costa (AF Setúbal)

O Sporting regressou esta noite às vitórias em Alvalade, ao derrotar o Rio Ave por três golos sem resposta. Num encontro marcado pela despedida do brasileiro Rogério, Liedson regressou aos bons velhos tempos e prestou uma pequena homenagem ao seu compatriota, apontando dois dos três golos dos verde-e-brancos.

Rogério regressou ao lado direito da defesa, mas o grande destaque do onze apresentado por Paulo Bento foi a ausência do jovem Nani. Do outro lado, face ao castigo de Mozer, os vilacondenses apresentaram-se em Lisboa com um meio-campo mais ofensivo, com os irmãos Niquinha e Marquinhos no miolo e Cleiton e Ricardo Jorge nas alas.

Apesar da primeira ocasião de golo ter surgido logo ao quatro minutos (Custódio cabeceou com perigo), o Rio Ave estendeu-se bem sobre o relvado durante o primeiro quarto-de-hora. No melhor lance da turma de António Sousa, Zé Gomes obrigou Ricardo à primeira (que viria a tornar-se única) defesa da noite.

Sensivelmente a meio dos primeiros quarenta e cinco minutos, impulsionado por Moutinho, Sá Pinto e Liedson, o Sporting tomou as rédeas do jogo e passou a acercar-se cada vez mais da baliza de Mora. Todavia, os golos chegaram somente em lances de bola parada. Primeiro, aos 32 minutos, foi Liedson, na sequência de um livre cobrado por João Alves, a inagurar o marcador; posteriormente, a 2 minutos do intervalo, foi o central Tonel a corresponder da melhor forma a um canto batido por Rodrigo Tello.

Na etapa complementar, já com Martins e Nani em campo nos lugares dos lesionados Moutinho e Deivid, a equipa leonina não demorou muito a sentenciar o desafio, aproveitando a inoperância do adversário. Servido por Nani, Liedson isolou-se frente a Mora e deu-lhe de "bico", sem hipóteses de defesa para o guarda-redes catalão. O "Levezinho" regressou às boas exibições e aumentou para 8 o número de golos apontados na presente edição da Liga.

Até final, o Sporting geriu como quis o desenrolar do encontro e só não dilatou ainda mais o resultado porque não calhou - e Mora não estava para aí virado -, enquanto que o Rio Ave dispôs apenas de duas meias-oportunidades (um livre de Marquinhos e um remate de Evandro).

Face a este triunfo, a turma de Alvalade subiu provisoriamente ao terceiro lugar da Liga Betandwin.com, com os mesmo pontos que o Nacional - 30. Os pupilos de António Sousa, por seu turno, mantêm-se na nona posição, com 20 pontos amealhados.

Uma última nota para o brasileiro Rogério. O lateral fez último jogo de leão ao peito e saiu lesionado aos 16 minutos, aplaudido de pé por todos os associados e completamente lavado em lágrimas. Rogério esteve um ano e meio no Sporting e durante esse tempo mostrou um profissionalismo e uma integridade de salutar, aliado a uma prestação desportiva bem acima da média. Resumindo, a sua postura é a antítese daquela do típico jogador brasileiro que já tantos problemas trouxe para dentro do clube leonino. Merece toda a sorte do mundo e terá para sempre a admiração dos sportinguistas.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 00:02


segunda-feira, dezembro 19, 2005

LIVRES
Agudiza-se a crise em Setúbal

Depois das saídas do treinador Norton de Matos e do jogador Dembelé - que entretanto já assinou contrato com o Standard de Liége - chega a vez de Fabien, José Fonte, Tchomogo e Diakité abandonarem o clube, rescindindo contrato com justa causa devido aos salários em atraso. Chumbita Nunes e a actual direcção ainda não se pronunciaram sobre o assunto.



São já cinco ausências para a recepção de quarta-feira ao Benfica, caso os jogadores não cumpram a greve anunciada.

A situação tornou-se insustentável no clube e com a abertura do mercado em Janeiro, mais jogadores poderão sair. De relembrar, que apesar dos salários em atraso, muitos destes jogadores têm dado o máximo suor pela camisola, levando o clube ao terceiro lugar da Liga, com os mesmos pontos que o Sporting de Braga e muito perto de garantir a manutenção.

# Artigo de Pedro Lopes
Publicado às 16:39



LIGA PORTUGUESA
Resultados e Classificações - 15ª Jornada

» FC Porto destaca-se no topo e afunda Penafiel

» LIGA BETANDWIN.COM | 15ª Jornada:

» Sexta:

Naval 0-2 Sporting
(João Moutinho, gp, 38', China, ag, 83')

» Sábado:

Rio Ave 1-0 Gil Vicente
(Zé Gomes, 62')
Marítimo 1-0 V.Setúbal
(Rincón, 70')
Belenenses 2-0 P.Ferreira
(Rolando, 31', Meyong, 77')
E.Amadora 1-2 U.Leiria
(Anselmo, 45', Paulo César, 10', 29')
Sp.Braga 2-0 Académica
(Nunes, 31', João Tomás, 64')
Benfica 1-0 Nacional
(Nuno Gomes, 71')
FC Porto 3-1 Penafiel
(Lucho González, 39', gp, 44', Lisandro López, 54'; Bruno Amaro, 1')

» Domingo:

Boavista 1-1 V.Guimarães
(Cadú, 34'; Marek Saganowski, 49')

(clique nos resultados para saber mais)

» CLASSIFICAÇÃO:*

JP
FC Porto1534
Nacional1530
V.Setúbal1529
Sp.Braga1529
Benfica1528
Sporting1527
Boavista1523
P.Ferreira1521
Rio Ave1520
JP
10ºU.Leiria1518
11ºMarítimo1518
12ºAcadémica1518
13ºBelenenses1517
14ºE.Amadora1516
15ºV.Guimarães1514
16ºGil Vicente1514
17ºNaval1511
18ºPenafiel157
* de acordo com a LPFP

» MELHORES MARCADORES:

EquipaGolos
Nuno GomesSLB11
MeyongCFB10
MarcelAAC9

» LIGA BETANDWIN.COM | Próxima Jornada:

Sporting - Rio Ave | Terça | 21h30 | SportTv
P.Ferreira - Marítimo | Quarta | 16h00
U.Leiria - Naval | Quarta | 17h00
Académica - Belenenses | Quarta | 19h00
Gil Vicente - Sp.Braga | Quarta | 19h15 | SportTv
V.Setúbal - Benfica | Quarta | 21h30 | TVi
Boavista - Nacional | Quinta | 19h15 | SportTv
Penafiel - E.Amadora | Quinta | 21h00
V.Guimarães - FC Porto| Quinta | 21h30 | SportTv

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 15:27


domingo, dezembro 18, 2005

LIGA PORTUGUESA
Boavista e V.Guimarães repartem pontos

» Pontes estreia-se com um empate

Boavista 1-1 V.Guimarães
(Cadú, 34'; Marek Saganowski, 49')

» LIGA BETANDWIN.COM | 15ª Jornada
| Estádio do Bessa, no Porto
| Nuno Almeida (AF Algarve)

Boavista e V.Guimarães empataram esta noite a uma bola, na partida que encerrou a 15ª jornada da Liga Betandwin.com.

Na estreia de Vítor Pontes no comando dos vimaranenses, a primeira muito fraca e dominada quase na totalidade pelos axadrezados, que chegaram ao golo ainda antes do intervalo, por intermédio do central Cadú. Os minhotos reagiram somente na segunda parte e igualaram a contenda logo no recomeço: Saganowski aproveitou uma falha de Areias e não esteve por meias medidas, rematando de pronto para o fundo das redes de Carlos - quarto golo do polaco na Liga.

Moralizados pelo empate, os forasteiros até poderiam ter feito o segundo pouco depois, mas desta feita Areias foi mais lesto que Sagan e pôs cobro à situação. Com a expulsão de Zé Manuel, aos 72 minutos, o V.Guimarães passou a ter algum ascendente sobre a equipa da casa. Todavia, mesmo assim, a melhor oportunidade do jogo pertenceu ao ala Manuel José, que viu Nilson negar-lhe o golo na cobrança de um livre directo, já em período de descontos.

Acerca da arbitragem de Nuno Almeida, ficam muitas dúvidas num lance envolvendo Cadú e Selim Benachour, por volta dos 60 minutos. O tunisino caiu na área boavisteira depois de sentir o contacto do defesa, mas o juiz algarvio mandou seguir.

Os pupilos de Carlos Brito mantêm a sétima posição, agora com 23 pontos conquistados. O V.Guimarães, por seu turno, arrecadou no Bessa o seu 14º ponto mas permanece abaixo da linha d'água. Na próxima quinta-feira, o Boavista recebe o Nacional da Madeira, enquanto os vimaranenses têm a visita do FC Porto, líder da tabela.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 22:45



BUNDESLIGA
Jornada 17

» Bayern de Munique alarga vantagem

Seis pontos à maior. O Bayern de Munique derrotou fora de casa o Borussia Dortmund e consolidou a liderança da Bundesliga, beneficiando ainda do empate a um golo registado este domingo entre Werder Bremen e Hamburgo. Num reduto muito difícil, os de Felix Magath venceram com golos do iraniano Ali Karimi, adversário de Portugal no próximo ano, e do peruano Claudio Pizarro.

Dos encontros da 17ª jornada, saliência para a vitória do Borussia Mönchengladbach sobre o E.Frankfurt (4-3) e para novo triunfo do Estugarda, que subiu ao sexto lugar. A turma de Giovanni Trapattoni venceu o Schalke 04 por duas bolas a zero.

» BUNDESLIGA | 17ª Jornada:

» Sábado:
Bielefeld 3-2 Colónia
Leverkusen 0-0 Hannover 96
B.Dortmund 1-2 Bayern
Kaiserslautern 3-2 Wolfsburgo
Mainz 1-1 Duisburgo
B.Mönchengladbach 4-3 E.Frankfurt
Estugarda 2-0 Schalke 04

» Domingo:
Hertha 1-1 Nuremberga
Werder Bremen 1-1 Hamburgo

» CLASSIFICAÇÃO:
JP
Bayern1744
Hamburgo1738
Werder Bremen1736
16ºColónia1712
17ºDuisburgo1712
18ºKaiserslautern1712

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 19:58



MUNDIAL DE CLUBES
São Paulo arrebata troféu

» Tricolor Paulista derrota Liverpool na final de Yokohama

Paulo Autuori, técnico do Tricolor, bem avisou que o São Paulo tinha um historial a defender e era o mais forte candidato a vencer a prova. Os brasileiros derrotaram há momentos o Liverpool por uma bola a zero e sagraram-se novamente campeões mundiais de clubes, agora num formato diferente, depois de terem conquistado a Taça Intercontinental em 1992 e 1993.

Um golo de Mineiro, ainda antes da meia hora de jogo, foi o suficiente para os vencedores da Copa Libertadores levarem de vencida a turma de Rafael Benítez, campeã europeia em título. O próximo adversário do Benfica na Champs tentou de todas as formas anular a desvantagem e levar o jogo, pelo menos, para prolongamento, mas Luis Garcia, Morientes ou Peter Crouch nunca conseguiram levar a melhor sobre Lugano, Ceni e seus pares. Rogério Ceni, guarda-redes do São Paulo, foi mesmo eleito o melhor jogador do torneio.

No jogo de atribuição do 3º e 4º lugares, os costa-riquenhos do Deportivo Saprissa derrotaram o Al-Ittihad por três bolas a duas, com golos das estrelas Alvaro Saborio (2) e Ronald Gomez.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 12:18


sábado, dezembro 17, 2005

LIGA PORTUGUESA
Jornada 15

» Marítimo trava V.Setúbal, Sp.Braga regressa às vitórias


Foto MAIS FUTEBOL

Chegou ao fim o ciclo de cinco triunfos consecutivos do V.Setúbal. Os sadinos saíram derrotados do «Caldeirão» dos Barreiros e perderam a oportunidade de assumir provisoriamente a liderança da Liga Betandwin.com. O brasileiro Rincón apontou o único golo do encontro, a vinte minutos dos noventa, colocando um ponto final na performance imaculada de Moretto, que não ia ao fundo das suas redes há mais de 660 minutos.

O Sp.Braga é que aproveitou o resultado verificado na Madeira e colou-se novamente à turma de Norton de Matos. Vindos de três derrotas consecutivas, os arsenalistas derrotaram a Académica por duas bolas a zero e sacudiram a crise. Nunes inaugurou o marcador e João Tomás fixou o placard final, marcando à sua antiga equipa.

No Restelo, o Belenenses derrotou o Paços de Ferreira (2-0) e já respira um pouco melhor. Rolando e o inevitável Meyong apontaram os tentos dos azuis, que somam agora 17 pontos, contra os 21 da turma de José Mota.

Nas outras duas partidas desta tarde, o Rio Ave levou de vencido o Gil Vicente com um golo do lateral Zé Gomes, enquanto que a U.Leiria voltou a ganhar fora, desta feita na Reboleira. Tal como em Guimarães, Paulo César bisou e foi a grande figura do encontro.

» Resultados desta tarde:

Rio Ave 1-0 Gil Vicente
(Zé Gomes, 62')

Marítimo 1-0 V.Setúbal
(Rincón, 70')

Belenenses 2-0 P.Ferreira
(Rolando, 31', Meyong, 77')

E.Amadora 1-2 U.Leiria
(Anselmo, 45', Paulo César, 10', 29')

Sp.Braga 2-0 Académica
(Nunes, 31', João Tomás, 64')

» Classificação Provisória:

JP
FC Porto1431
Nacional1430
V.Setúbal1529
Sp.Braga1529
Sporting1527
Benfica1425
Boavista1422
P.Ferreira1521
Rio Ave1520
JP
10ºU.Leiria1518
11ºMarítimo1518
12ºAcadémica1518
13ºBelenenses1517
14ºE.Amadora1516
15ºGil Vicente1514
16ºV.Guimarães1413
17ºNaval1511
18ºPenafiel147

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 19:09



LIGA PORTUGUESA
Sporting vence na Figueira da Foz

» Leões regressam sem brilho às vitórias

Naval 0-2 Sporting
(João Moutinho, gp, 38', China, ag, 83')

» LIGA BETANDWIN.COM | 15ª Jornada
| Estádio José Bento Pessoa, na Figueira da Foz
| Paulo Paraty (AF Porto)

Foi melhor o resultado que a exibição. Uma semana depois da derrota frente ao E.Amadora, o Sporting foi à Figueira da Foz derrotar a Naval 1º de Maio por duas bolas a zero, na partida inaugural da 15ª jornada da Liga Betandwin.com.

Paulo Bento jogou de início com Deivid e Liedson na frente de ataque, apoiados por João Alves, enquanto Álvaro Magalhães, na sua estreia em casa, respondeu com um meio-campo reforçado: Gilmar, Glauber e Solimar.

A primeira parte foi muito fraca, com muitos passes errados de parte a parte e com um futebol nada vistoso. A primeira oportunidade de golo pertenceu a João Alves (tirando isso, teve uma actuação desastrada) e a segunda a Lito que, involuntariamente, quase batia Ricardo - excelente intervenção do 76 dos leões.

João Moutinho estava a actuar muito encostado ao lado esquerdo e quando mudou de flanco, passou a ser interior-direito, o Sporting melhorou bastante o seu jogo, acabando por rubricar uma boa exibição no último quarto-de-hora do primeiro tempo. Foi durante esse período que a equipa leonina se colocou em vantagem. Liedson desmarcou Moutinho e o jovem adiantou a bola e foi derrubado por Taborda, dentro da grande área. Na conversão, o próprio João Moutinho não perdoou e apontou o seu primeiro golo com a camisola do Sporting em jogos oficiais.

Na etapa complementar, sempre com Lito em plano de evidência, a turma de Álvaro Magalhães tentou reagir à desvantagem e passou a acercar-se com maior regularidade da baliza de Ricardo. Contudo, foram os lisboetas a criar maior perigo, em concreto num remate de Nani que obrigou Taborda a defesa para canto.

À entrada para os dez minutos finais, Ricardo negou o golo do empate a Fajardo, e na resposta o Sporting acabou com o jogo. Tello cruzou da esquerda, a defesa navalista comprometeu e acabou por ser o lateral China, pressionado por Liedson, a introduzir a bola na sua própria baliza.

A formação orientada por Paulo Bento ascendeu assim, à condição, ao quarto lugar da Liga, com 27 pontos. A Naval, por seu turno, somou a sua sexta derrota consecutiva (segunda com Álvaro ao leme) e começa a ver a sua situação cada vez mais complicada: é antepenúltima com apenas 11 pontos amealhados.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 01:09


quinta-feira, dezembro 15, 2005

TAÇA UEFA
Jornada 5 - Dia 2

» Lens elimina Samp, Mónaco vence Grupo A, Palermo goleia e passa

Ficaram pelo caminho as três equipas que eliminaram formações portuguesas na 1ª eliminatória. Halmstad e Estrela Vermelha já se tinham despedido da UEFA e hoje foi a vez da Sampdoria, «carrasco» do V.Setúbal.

A turma de Walter Novellino saiu derrotada (2-1) do Félix-Bollaert e terminou em quarto no Grupo C. O Lens esteve afastado da competição durante 70 minutos, após o golo de Francesco Flachi, mas marcou no primeiro dos descontos o tento que lhe vale o apuramento para a ronda seguinte - Issam Jemaa foi o autor. No outro jogo, Hertha e Steaua empataram sem golos, resultado que servia perfeitamente às duas equipas.

No Principado, o Mónaco derrotou o CSKA Sofia e assegurou o primeiro lugar do Grupo A. Olivier Kapo e Squillaci marcaram para os monegascos e o Hamburgo teve que se contentar com o segundo lugar. Na AOL Arena, a turma de Thomas Doll, que eliminou a U.Leiria da Intertoto, venceu o Slavia (2-0) com golos de Sergej Barbarez e Emile Mpenza. Todavia, os checos acabaram por beneficiar da derrota do CSKA e terminaram em terceiro lugar.

Palermo e Espanhol tiveram razões para festejar na última jornada, juntando-se ao Lokomotiv de Moscovo como equipas apuradas do Grupo B. A turma de Luigi Del Neri goleou os dinamarqueses do Brøndby (3-0), com dois golos de Leandro Rinaudo e um de Stephen Makinwa, e venceu o grupo. O Espanhol, por seu turno, venceu o Maccabi Petach-Tikva (1-0). Mauricio Pochettino marcou, a sete minutos dos noventa, o único golo do desafio.

Por último, já tudo estava decidido no Grupo D. Middlesbrough e AZ Alkmaar (duas equipas eliminadas pelo Sporting na temporada passada) venceram os respectivos encontros e ficaram, respectivamente, em primeiro e segundo lugares. Os ingleses derrotaram o Litex com um bis do italiano Massimo Maccarone, enquanto que os pupilos de Louis Van Gaal levaram a melhor sobre o Grasshoppers - golo de Danny Koevermans.

» TAÇA UEFA
Jornada 5


» Grupo A:
Hamburgo 2-0 Slavia
AS Mónaco 2-1 CSKA Sofia

JP
AS Mónaco49
Hamburgo49
Slavia44
Viking44
CSKA Sofia43

» Grupo C:
Lens 2-1 Sampdoria
Hertha 0-0 Steaua

JP
Steaua48
Lens47
Hertha46
Sampdoria45
Halmstad40



» Grupo B:
Espanhol 1-0 M.Petah-Tikva
Palermo 3-0 Brondby

JP
Palermo48
Espanhol48
Lokomotiv47
Brondby44
M.Petah-Tikva40

» Grupo D:
Middlesbrough 2-0 Litex
AZ Alkmaar 1-0 Grasshoppers

JP
M'brough410
AZ Alkmaar410
Litex46
Dnipro43
Grasshoppers40

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 21:49


segunda-feira, dezembro 12, 2005

LIGA PORTUGUESA
V.Setúbal bate Belenenses

» Sadinos isolam-se no terceiro lugar

V.Setúbal 1-0 Belenenses
(Auri, 47')

» LIGA BETANDWIN.COM | 14ª Jornada
| Estádio do Bonfim, em Setúbal
| Paulo Baptista (AF Portalegre)

Não há dinheiro que pague o brio dos profissionais do V.Setúbal. A equipa de Norton de Matos somou esta noite, frente ao Belenenses, a sua quinta vitória consecutiva e isolou-se no terceiro lugar da Liga Betandwin.com, a apenas um ponto do Nacional e a dois do líder FC Porto. Aliado a tudo isto, os sadinos permanecem como a melhor defesa da Europa e não sofrem golos desde o dia 23 de Outubro - há praticamente 600 minutos, contabilizando todos os jogos.

A primeira parte foi muito, mas mesmo muito mal jogada e resume-se facilmente em poucas linhas. Ambas as equipas apresentaram um futebol muito desconexo e houve apenas duas oportunidades: na primeira, aos dez minutos, Meyong obrigou Moretto a aplicar-se para evitar que o camaronês marcasse no seu regresso ao Bonfim; na segunda, um quarto-de-hora depois, Fábio Hempel chegou atrasado a um cruzamento muito bom de Tchomogo.

Os segundos quarenta e cinco minutos começaram com o único golo do encontro. Logo aos 47', na sequência de um canto cobrado por Tchomogo, Adalto desviou ao primeiro poste e Auri repetiu o feito de há duas semanas frente ao Rio Ave, marcando, de cabeça, pela segunda vez na Liga - o belenense Marco Aurélio pareceu mal batido.

Inexplicavelmente, apesar de se encontrar em desvantagem, a turma de José Couceiro raramente criou perigo junto da baliza do brasileiro Moretto. Os sadinos foram até quem esteve mais perto de dilatar o placard, mas o auxiliar de Paulo Baptista invalidou (mal) um lance perigoso em que Fábio viria a marcar.

A coisa mais parecida com uma ocasião de golo que os forasteiros tiveram acabou por ter origem numa excelente abertura de Meyong para Hassan Ahamada. Todavia, o extremo francês não conseguiu desfeitear Moretto, nem teve (ou não quis ter) ratice suficiente para arrancar uma grande penalidade - como tantos outros fazem. O Belenenses podia ter lucrado com esse lance, mas a opção de Ahamada merece da minha parte um sincero aplauso.

O Vitória de Setúbal tem agora 29 pontos amealhados e, apesar de ainda ter mais de dois meses de ordenados em atraso, está bem perto de garantir a permanência no escalão maior. O Belenenses, por seu turno, continua com os mesmos 14 pontos e à beira da linha d'água.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 22:33


domingo, dezembro 11, 2005

LIGA PORTUGUESA
Benfica derrota Boavista

» Golo de Anderson vale subida ao quinto lugar

Benfica 1-0 Boavista
(Anderson, 45')

» LIGA BETANDWIN.COM | 14ª Jornada
| Estádio da Luz, em Lisboa
| Lucílio Baptista (AF Setúbal)

O Benfica venceu esta noite o Boavista por uma bola a zero, em partida a contar para a 14ª jornada da Liga Betandwin.com. Depois da qualificação para a próxima fase da Liga dos Campeões, os encarnados subiram ao quinto lugar da tabela, ultrapassando o rival Sporting, deixando o Boavista para trás e chegando-se ao Sp.Braga, quarto classificado.

Com Ricardo Rocha como principal novidade, o Benfica começou por cima e dominou durante os primeiros quarenta e cinco minutos. Os axadrezados, no seu habitual 4x2x3x1, jogaram mais na expectativa, com João Pinto a tentar ligar defesa e ataque e com Fary Faye muito sozinho na frente.

Assim, durante a primeira parte o jogo teve sentido único - mesmo assim, as oportunidades de golo escassearam. Tirando uma iniciativa de Geovanni e um remate perigoso de Beto, os encarnados raramente colocaram Carlos em apuros. Todavia, o Benfica chegou ao golo ao cair do pano da primeira parte. Na sequência de um canto cobrado por Petit, Anderson subiu mais alto do que Diogo Valente e fez o seu terceiro golo na Liga - a bola ressaltou na trave e em Rui Duarte antes de entrar.

Na etapa complementar, Carlos Brito alargou a frente de ataque, fazendo entrar Cafú em vez de Manuel José, mas as primeiras ocasiões de golo surgiram na baliza boavisteira. Nesses lances, Carlos efectuou duas defesas fantásticas: a primeira a remate de Geovanni e a segunda depois de uma boa jogada protagonizada por Nuno Assis.

Numa altura em que se começou a denotar algum cansaço nos jogadores da casa, o Boavista reequilibrou as operações a meio-campo com a entrada de Paulo Jorge para o lugar de João Vieira Pinto. Contudo, só criou verdadeiro perigo para a baliza de Quim depois da entrada de William Souza, que obrigou o guardião encarnado a aplicar-se para evitar o empate, a cinco minutos dos noventa. O Benfica podia ter chegado ao segundo por intermédio de Nuno Gomes, mas a última oportunidade pertenceu aos axadrezados. Solto à entrada da área, Rui Duarte, o tal que esteve no único golo do encontro, levou a bola a passar muito perto do poste esquerdo.

No cômputo geral, a vitória do Benfica é inteiramente justa. A formação de Ronald Koeman tem agora 25 pontos e no próximo sábado recebe o Nacional da Madeira. O Boavista deixou na Luz uma pálida imagem daquilo que é capaz e mantém os mesmos 22 pontos e daqui a uma semana joga no Bessa com o V.Guimarães.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 23:06



LIGUE 1
Jornada 18

» Pauleta bisa frente ao Rennes, Lyon empata mas dilata vantagem

Pauleta marcou os dois golos do PSG na recepção ao Rennes e consolidou a liderança da tabela dos marcadores, aumentando para 12 o número de tentos apontados na presente edição do Le Championnat. A turma de Laurent Fournier subiu ao quarto lugar da prova, enquanto que os pupilos de Boloni permanecem a meio da tabela.

No jogo mais importante da 18ª ronda, o Lyon do português Tiago (90 minutos) empatou sem golos na deslocação a St.Etienne mas beneficiou ainda dos deslizes dos mais directos "perseguidores" para alargar a vantagem para o segundo classificado - o Auxerre perdeu no Vélodrome e o Bordéus no terreno do Le Mans.

De resto, destaque para dois jogos que terminaram sem golos: o Lille - Lens e o Nantes - Mónaco. De salientar ainda a vitória fora de portas do Estrasburgo - 1-2 em Nancy. Apesar de estar a realizar uma excelente campanha na Taça UEFA, a equipa às ordens de Jacky Dugueperoux só agora deixou a «lanterna-vermelha» da prova.

» LIGUE 1 | 18ª Jornada:

» Sábado:
Lille 0-0 Lens
Le Mans 1-0 Bordéus
Marselha 1-0 Auxerre
Nancy 1-2 Estrasburgo
Nice 1-0 Ajaccio
PSG 2-0 Rennes
Sochaux 1-1 Metz
Toulouse 2-1 Troyes

» Domingo:
Nantes 0-0 AS Mónaco
St.Ettiene 0-0 Lyon

» CLASSIFICAÇÃO:
JP
Lyon1844
Auxerre1832
Bordéus1831
18ºAjaccio1812
19ºEstrasburgo1811
20ºMetz1811

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 21:41



BUNDESLIGA
Jornada 16

» Bayern ganha e deixa tudo na mesma

O Bayern de Munique derrotou o aflito Kaiserslautern, último classificado, e garantiu desde já o título de Inverno da Bundesliga.

A turma de Felix Magath venceu por 2-1, com golos de Michael Ballack e Roy Makaay, mas passou por alguns calafrios e bem pode agradecer ao albanês Ervin Skela (falhou um penalty) o facto de manter a diferença pontual para o segundo classificado, o Hamburgo. Os pupilos de Thomas Doll derrotaram o Hertha igualmente por 2-1, com um golo do iraniano Mahdavikia, jogador que irá encontrar Portugal na fase final do Mundial.

Todavia, o grande destaque desta ronda 16 vai para a vitória fora do Werder Bremen. Embalados pelo apuramento para os oitavos da Champions, Miroslav Klose e companhia golearam o Colónia por 4-1 e permanecem no terceiro lugar. De resto, de salientar o triunfo fora de portas do Estugarda - 1-0 no reduto do Wolfsburgo.

» BUNDESLIGA | 16ª Jornada:

» Sábado:
Duisburgo 1-1 Bielefeld
E.Frankfurt 2-0 B.Dortmund
Hamburgo 2-1 Hertha
Hannover 96 1-1 B.Mönchengladbach
Nuremberga 1-1 Leverkusen
Schalke 04 1-0 Mainz
Wolfsburgo 0-1 Estugarda

» Domingo:
Colónia 1-4 Werder Bremen
Bayern 2-1 Kaiserslautern

» CLASSIFICAÇÃO:
JP
Bayern1641
Hamburgo1637
Werder Bremen1635
16ºColónia1612
17ºDuisburgo1611
18ºKaiserslautern159

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 18:57



LIGA PORTUGUESA
FC Porto ganha em Leiria

» Dragões mantêm-se isolados no comando

U.Leiria 1-3 FC Porto
(Fábio Felício, 35'; Laranjeiro, ag, 41', Lisandro López, 42', Diego, 90+3')

» LIGA BETANDWIN.COM | 14ª Jornada
| Estádio Municipal Magalhães Pessoa, em Leiria
| Pedro Henriques (AF Lisboa)

O FC Porto derrotou a U.Leiria por três bolas a uma e continua na isolado na liderança da Liga Betandwin.com. Os azuis-e-brancos haviam perdido o trono para o Nacional, que horas antes tinha derrotado Marítimo, mas não deixaram os seus créditos por mãos alheias e ganharam no Magalhães Pessoa, depois de terem estado a perder por um a zero.

Com o mesmo onze de Bratislava, os portistas entraram melhor no jogo. Por seu turno, a turma de Jorge Jesus, que apresentou Miramontes no lugar do emprestado Maciel e Laranjeiro a lateral-esquerdo como principais novidades, raramente conseguiu contrariar o caudal ofensivo dos dragões durante a meia-hora inicial.

A primeira grande oportunidade de golo pertenceu a Ricardo Costa, mas o central do Porto não conseguiu aproveitar da melhor forma um erro de Costinha. Na resposta, a União marcou, na segunda vez que rematou à baliza de Baía. O esquerdino Fábio Felício beneficiou de um ressalto de bola e, de fora da área, disparou cruzado a contar. A menos de dez minutos dos quarenta e cinco, os leirienses encontravam-se em vantagem e ninguém previa que a fossem perder antes do descanso. Mas assim foi.

Aos 41 minutos, César Peixoto cruzou da esquerda e Laranjeiro antecipou-se a Benni McCarthy e desviou para o fundo das redes do seu companheiro Costinha. Na jogada seguinte, novo golo do Porto, novamente iniciado na esquerda, desta feita com serviço de Quaresma - Costinha não resolveu e Lisandro López colocou os azuis-e-brancos em vantagem.

Na etapa complementar, a U.Leiria partiu em busca do empate mas, tirando um golo negado por Diego a Josiesley Ferreira, as melhores ocasiões de golo pertenceram aos forasteiros. Primeiro, aos 65 minutos, foi Ricardo Quaresma a pegar mal na bola na hora do remate. Posteriormente, aos 75', foi Lucho González a obrigar Costinha a aplicar-se para impedir o terceiro, que chegou apenas nos descontos. Há pouco mais de cinco minutos em campo, Jorginho fugiu pela direita e centrou para a marca da grande penalidade, onde surgiu Diego, talvez a unidade de maior preponderância atacante do Porto, a encostar para o fundo das redes dos leirienses.

Os comandados de Co Adriaanse somam agora 31 pontos, mais um que o Nacional e mais cinco que Sp.Braga e V.Setúbal, que só jogam este domingo e segunda-feira, respectivamente. A União, por sua vez, mantém-se em igualdade pontual com o Marítimo no 12ª posto.

# Artigo de Da Rocha
Publicado às 01:11


sábado, dezembro 10, 2005

MUNDIAL'2006
Que Mundial para Portugal?

O sorteio de Leipzig realizou-se a noite passada e teoricamente, apenas teoricamente, é favorável à equipa das quinas.
México, Angola e Irão são os adversários na primeira fase. À primeira vista, podemos desde logo constatar algumas vantagens e desvantagens.
Por um lado, Portugal será a única equipa europeia de um Mundial que se disputa na Europa. Ao contrário do que se passou em 2002, Portugal não terá que se submeter a uma mudança drástica de clima e fuso horário. Angola, México e Irão passarão por isso. Até que ponto poderá ser uma vantagem? Apenas o tempo o dirá. Portugal dá-se bem nas grandes competições que se disputam na Europa - Mundial de 66, e os Euro 84, 96, 2000 e 2004 onde, apenas em 96 não chegou às meias finais. No México e na Coreia do Sul/Japão os resultados foram os que todos sabemos – eliminação na 1ª fase.

No entanto, mesmo teoricamente há algumas desvantagens. Creio que a ordem dos jogos não terá sido a mais favorável à equipa lusa. Jogar com Angola na abertura e terminar com o México pode ser muito traiçoeiro. Iniciaremos com uma Angola estreante em que os jogadores estarão nos índices máximos de motivação, que darão tudo para ganhar o primeiro jogo da primeira presença num Mundial, ainda mais contra a selecção portuguesa. No entanto, até que ponto as pernas podem tremer num ambiente frenético com um estádio cheio?

O México, cabeça-de-série do grupo, é uma equipa bastante forte que costuma surpreender amiúde nos Mundiais, numa altura em que até já nem é surpresa. No último Mundial, os mexicanos ficaram-se pelos oitavos-de-final onde foram eliminados pelos Estados Unidos (do grupo de Portugal). Uma equipa coesa, com boas individualidades e um bom treinador poderá dificultar em muito o objectivo de Portugal em vencer o grupo. Se as coisas não correrem bem e Portugal necessitar de vencer o último jogo, o México será sem dúvida um adversário muito complicado.
Por último, o Irão. A equipa iraniana marcou presença no Mundial de França onde ficou notabilizada pela vitória ante os Estados Unidos, num jogo que ficou marcado pelo conflito iraniano-americano.
A selecção é uma incógnita, mas espera-se que Portugal possa contrariar os chorudos prémios que o Irão oferece aos seus jogadores.

Passando o grupo, Portugal cruzar-se-á com um dos grupos mais fortes: - o grupo C da Argentina, Holanda , Sérvia Montenegro e Costa do Marfim.

# Artigo de Rui Silva
Publicado às 09:02


futebol nacional

blogobola

blogs

portais

clubes

modalidades



© Livre Indirecto 2006 | Desenhado por Pedro Lopes